sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Liberta-te.



Só me quero libertar.
Cada vez tenho mais vontade disso!
Gritar, correr, cantar, rir até não poder mais.
Ser eu !

Ultimamente só tenho tido problemas.
Problemas em casa (muitos), problemas pessoais(que metem qualquer um doido, quem sabe que o diga), a escola não tem estado a correr nada, mas mesmo nada bem(graças a todos os problemas que não deixaram estudar), problemas de amizade, tantos tantos tantos...
Alguns desses problemas continuam cá, ainda a evoluir.
Outros já desapareceram.
Sinto-me livre, com 50quilos a menos.
Ainda tenho outros 50quilos em cima, mas o alívio já é tanto!
Os apertos no coração, as tremuras desapareceram.
Ainda estou com aquela sensação de mau estar.
Ainda me sinto com vontade de puxar os cabelos, gritar, chorar!
Mas quem me conheçe sabe como sou, tento sempre ter um sorriso na cara e ver o lado bom das coisas (apesar de também conseguir ser muito pessimista).
Este meu lado é tão mais forte..
Tenho desabafado sozinho, com o papel, com amigos, com best, com desconhecidos.
Mas tenho desabafado tanto que já estou mais leve.
Continuo com pesso em cima, mas sabem que mais ?
QUERO LÁ SABER.
Agora, simplesmente pego neles, meto-os no chão e com um pontapé bem grande os meto à andar.
Bem longe de possível!
Quero lá saber se os torno a encontrar!
Vou tratanto deles, vou dando mais e mais pontapés.
Cago para eles.
Não quero mais saber.
Óbvio que os vou resolver, mas não me vou deixar afectar como sempre me deixei.
Não vou!
Sou uma pessoa extremamente sensível(quem me conheçe, sabe disso) e as coisas tocam-me sempre.
Agora..
Bem podem esquecer.
Aqui o senhor sensível, vai mudar.
Vai ser mais liberto.
Mais espontâneo.
Mais solto.
Mais EU.

Quero olhar em frente e ver os problemas com um sorrisão na cara.
 Quero chorar sempre que quiser sem haver críticas.
Fazer o que quero sem limites.
Quero tudo diferente.

Se eu conseguir fazer o que quero, vão notar diferença.
Agora tenho mais pica para fazer as coisas.
Mais vontade de ser louco.
Vai haver mesmo diferenças.
Espero que para melhor.
Ao menos vou fazer por isso!

Enfim, eu quero tanta coisa que já nem sei o que quero.
Sei que quero uma vida diferente!
E essa vida só eu é que a posso dar.


Sê tu mesmo(a), liberta-te.
Não te prendas por nada!
Nunca te esqueças que nasces-te ontem e que amanhã morrerás.
Sei que reparas que ainda ontem eras uma criança, e hoje já quase adulto(a) és.
Lembra-te que quando estiveres para morrer, vais pensar o mesmo.
A vida passa a correr, e nós estamos quase sempre parados.
Não pode ser.
Mexe-te, corre.
Ganha a corrida à vida e prometo-te..
..as coisas vão ser bem melhores.


Liberta-te.
O mundo te espera.

7 comentários:

Anónimo disse...

tens toda toda a razão.

estou num momento mau, as coisas não estão a correr bem a muitos níveis, e o que ouço?
criticas por chorar, criticas por me deixar ir abaixo :x

o teu texto deu-me alguma força.
obrigado, adoro-te <3

Q.

Phantomrider @ disse...

Juro-te que é o meu texto preferido em todo o teu blog! A sério. Amei.

E julgo que sabes que podes continuar a 'perder o peso dos problemas' com todos nós, afinal os amigos servem para, além de embicar, ajudar que é realmente o mais importante.

Beijinhos @

Freitas disse...

É mesmo essa a atitude e é assim que te quero ver ;D

Who gives a fuck?

Bárbara disse...

"(...)Agora, simplesmente pego neles, meto-os no chão e com um pontapé bem grande os meto à andar."
É isso mesmo Alex :D
Este texto está lindo, mas o que mais gostei foi o facto de nos fazer pensar. E adoro essa tua visão positiva das coisas.
Gostei muito neco. Adoro você, viu?

ana c, disse...

ohn, fogo. amei! parabéns nequinho, tá muito bom. gostei particularmente da "lição" final. continua ;)

beijinho, ana.

Ru disse...

Concordo, uma pessoa deve tentar sempre ser o mais optimista q conseguir =D (o pior é quando não s consegue mas enfim, tenta-se)
tipo, s mesmo s as coisas vierem a correr mal, s formos pessimistas sofremos 2 vezes, e s formos optimistas ao menos só sofremos uma :D
Vá agarra-te a esse espirito e sê feliz ^^ bjos

Anónimo disse...

Continua a mandar "pontapés" nos problemas e a expulsa-los o melhor possivel da tua vida.
Continua a partilhar com os amigos, estes podem ajudar-te.
Chora se quiseres chorar, faz bem chorar (falo por experiência própria). Não tenhas medo das criticas. Quem critica é igual a ti, também chora.
Sê livre para fazer o que te apetece, as maiores loucuras, ou não.

Acima de tudo, sê feliz.

Beijinhos, J.