quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Eu bato-vos --,

Eu juro que vos bato --,
Porque é que (quase) todos vocês dizem que devia escrever um livro ?
Porquê?!
Para começar há gente que escreve muito (MESMO MUITO) melhor que eu.
A essas pessoas nunca ouvi dizer "Porque não escreves um livro?"!
Vocês..eu bato-vos!
Não é que não goste de ler/ouvir isso.
Para mim isso significa imenso.
Significa que vocês todos gostam do que escrevo e sei que comprariam o livro.
Mas não acho que o deva fazer.

Hoje em português falaram outra vez disso.
Que eu devia juntar meus textos, escrever mais e dar ao stor de tuga.
Fazia-se um livro e pronto.
Mas eu, como sempre, neguei fazer isso.
Depois de a Gaby e do Raúl terem insistido (não me chates a cabeça porque eu escrevi COM acento --,) eu começei a pensar duas vezes..
Ok, o pessoal diz "escreve".
Eu digo "não".
Mas o pessoal não desiste e cada vez o "pessoal" é maior!
E onde eu vejo que o pessoal não diz só para embirrar, foi quando o stor falou do livro que a escola faz todos os anos com os melhores textos dos alunos, e a Gaby diz "Olha Alexandre, porque não mandas os teus textos?! Decerteza que apareciam lá! Ou ou porque não escreves uma história mesmo? Um livro?!"
Logo de seguida, vem o Raúl " É verdade alex, porque não escreves um livro?"
E eu do estilo "Tu também ?!"
Raúl "Ya, tens bué jeito. A sério, escreve um livro. Uma história"
Apesar de eu dizer montes de vezes que não consigo, ele insistia "Consegues sim! Consegues! Experimenta! Eu sei que consegues"
Ok, isto já é demasiada perseguição !

Esta perseguição toda faz-me pensar seriamente no assunto.
E se eu escrever um livro?
Uma história, um conjunto de mini-histórias ou vários textos soltos?
Alguém vai querer?
Como vou conseguir fazer de tanto papel e letra um livro?
Vão gostar?
Vai ser desastre e grande embaraçamento para mim ?
Não sei!

Preferia (se o fizer) que fosse tudo.
Textos soltos e mini-histórias.
Um livro de uma só história não.
Não porque não sou capaz de escrever tal coisa.
Não sinto que seja capaz.

Devido à vossa insistência, vou sim, escrever.
Não digo um livro, por agora.
Mas vou escrever cada vez mais e juntar os melhores, os favoritos, os indicados.
De seguida, com a vossa ajuda, vamos tratar de transformar tudo num livro.
Sim, vocês querem, vocês ajudam!
E depois, logo se verá o que vai acontecer.
Vou também mandar textos para o livro da escola (não prestei muita atenção à aula e não percebi se ainda se vai fazer o livro este ano ou não..).
E vou ajudar no texto para a cápsula do tempo.

Obrigado por sempre me apoiarem (:
Kiss and hug's @
Ly people <3


8 comentários:

Kiko disse...

Escreve porque queres e gostas :D É o mais importante.
Sim, pode haver gente que escreve melhor que tu e tal, mas se calhar não têm a capacidade de cativar quem lê, de fazer com que cada leitor se identifique com o que escreve. E isso...tu fazes...

Alguns dos melhores livros que já li, são de short stories, divagações, etc.

Só sei que vou querer uma cópia autografada :P

Força nisso, 220 % de apoio *

Raúl Penaguião disse...

Haaaa eu tenho uma sugestão: este pode ser o primeiriiiiiiissimo texto do lívro :P
Parece-me um bom início, para além de ser um texto argumentativo que convense a maior parte dos leitores, também é um texto que dá mãos para continuar a folhear, cativa o "o que é que aí vem" ^^

Já que a gente te chateia, a gente ajuda, acho justo ^^ mas a gente também fica com os lucros xP!

Essa obra tem de ser feita xprie mitos sentientos que intessam, te-los complados seria ótimo, e então se isso te inssentiva a trabalhar mais e a fazer mais textos melhor ainda!

Força nisso, pi^73% de apoio e 33% dos lucros que tens são meus :D

Bárbara disse...

ESCREVE UM LIVRO! ESCREVE UM LIVROOO! Concordo com toda a gente que insistiu :D
E sim, eu vou comprar e gostar do teu livro, sei que sim :C
E vou ajudar para também lucrar ahaha

Ru disse...

E o "pessoal" acaba d ficar um pouco maior pois eu tb concordo :D. S não sabes s consegues podes sempre tentar, e mesmo sendo com mini-histórias ou textos soltos deve ficar mt fixe, tu escreves mta bem =D
qero isso feito!
s qiseres mais ajuda já sabes, tb podes contar cmg (e para os lucros claro xP)

Anónimo disse...

Sabes eu cá acho que devias escrever um livrinho :P
Mas tens de me oferecer um :b
ahahah
Tens boé jeito acredita, E eu ajudo ^^. ( Mas todos têm de ajudar senão quem vos bate sou eu --, unf xD)
eheh
Quero um autografado Sr. Alexandre :D

*

Phantomrider @ disse...

Seria diferente dizer que não, não deves? Não. Seria estúpido!
Eu acho que sim, tens jeito. E mesmo para histórias, acho que te davas bem nisso! Aposto. Mas se não queres, coiso --'

Continua com o blog e qualquer dia acontece-te como o das pipocas doces xD A miúda lançou um livro com as cenas do blog!! Por isso poe-te a pau!!

Beijinhos oh caramelo *

Anónimo disse...

Olha rapaz, se deves ou não escrever um livro é contigo. Se isso te fizer feliz, força, estou contigo...
Mais uma coisa... não o faças por obrigação, só porque outras pessoas o dizem.
Nunca deixes de escrever, mesmo que nunca venhas a tornar público. É uma maneira de desabafar e adoro ler os teus textos.
Beijinhos, Joana B.

Gil d'Almeida Raínha disse...

Já no outro dia falávamos de escreveres um livro, se bem te lembras!
Um livro não implica escrever uma história do principio ao fim, isso sim seria uma seca e também era necessário ter uma grande imaginação para o fazeres.
Mas o que te sugiro é tão simples quanto isto.
Através de um conhecimento recente, e já te disse também, surgiu um site na internet, para aqueles que se querem lançar no mundo da escrita. Todos os que conheço e que o fizeram, conquistaram adeptos rapidamente, e estão a ter o seu sucesso.
Muitos, apenas juntaram as suas histórias soltas que tinham em blogs, enviaram-nas para o site e fizeram a propaganda do mesmo junto de pessoas e amigos e o sucesso bateu-lhes à porta!
É tão simples quanto isto, corriges alguns erros ortográficos que possam existir, e vais ao site "BUBOK.PT", crias uma conta em teu nome, e pedes um preço pelo teu livro. Não custa nada! Quando começarem a vender o teu livro, eles fazem a impressão do mesmo, com a capa que escolheste e com o desenho que fizeste da mesma, encadernam e enviam para quem o adquirir. Aí sim, e por cada livro vendido recebes 80% do valor pedido, sendo que o remanescente - 20% - fica para a editora, como custos de impressão, gastos de envio, propaganda do próprio site, e claro para pagar o ordenado de quem faz tudo o que uma gráfica faria. Recebes o teu livro encadernado, vendes uns tantos outros e ainda ganhas com isso!
Tens a hipótese de e tornares num escritor conhecido, vindo do nada, e é assim que se vão fazendo negócios.
Eu não ganho nada com isto, mas tal como te disse tens jeito para escrever e e uma pena enorme não aproveitares esta oportunidade.
Fala com o teu professor de Tuga, pode ser que ele tenha o conhecimento deste site, até porque é uma ideia inovadora em Portugal e está a ter quase tanto sucesso ou ainda mais do que uma livraria.
Podes ler ou comprar livros, online!
Considera isto como uma opinião de um amigo, pensa, fala com os teus pais e professores, eles podem aconselha-te melhor do que eu a investires no teu sucesso!

Abraço e continua a escrever as tuas histórias soltas!