terça-feira, 7 de setembro de 2010

6 # Carta para um estranho.

"Um vagabundo também não é um vagabundo. É alguém de quem não sabemos nada, mas onde projectamos tudo. Chamamos-lhe pobre, excluído, vadio, drogado, doente, sem-abrigo...Dizemos tudo o que nos vem à cabeça, mas nada sabemos dele. Melhor será que o deixemos assim. Desconhecido. Vagabundo. Autêntico."

Com isto, eu começo a minha carta. Pouco falta para dizer, além de que eu também dou um papel importante às estranhos envolventes na minha vida. Não sei explicar, mas concorco que sem vocês a minha (nossa) vida não seria a mesma. Ainda me lembro quando comprei hamburguers e dois sundaes para um vagabundo. E, para acabar a carta, eu confesso que gostava de passar como vagabundo um tempo infefinido. Gostava de ver o mundo nos olhos deles.

12 comentários:

ana neves disse...

que bonito :3

incógnita disse...

sem os estranhos que nos rodeiam ficariamos muito mais sozinhos...

Andreia. disse...

sim, eu talvez acabe de ver (falta-me cerca de 40 min) esta tarde :b

Qéé disse...

só te falta dormires na rua e não teres dinheiro para comer. vamos a isso, VAGABUNDO

Mel disse...

porque só consigo suportar tudo, fechada do mundo.

SaraTeixeira disse...

Tens um blog maravilhoso!
Tanto este, como o outro, acho-os mesmo interessantes (interessantes não era bem a palavra que queria, quando encontrar outra digo-te ~~).
Entre ontem e hoje perdi-me por estes dois cantinhos a ler alguns post's. E valeu a pena :D

ah, vou seguir *

SaraTeixeira disse...

Não, não ando :o
Estas storas de química hoje em dia :p
Claro que gostei, outra opinião era impossível.
Estás à vontade, cuscos como estes são bem vindos :)

Andreia. disse...

não, ontem não deu :s mas de hoje não passa! xD

SaraTeixeira disse...

Poder podia, mas nem sei onde isso fica, deve ficar a km :b
Concordo plenamente, o meu caderno de química no fim do ano tinha o DOBRO do tamanho só por causa das fichas o.o
Abusada :o
Força nisso *-*

SaraTeixeira disse...

Ok, eu sou do Porto, logo era muitoooo difícil andar aí xD
Pois, eu até cheguei a ter micas, mas desisti quando elas começaram a rebentar todas -.-

danó disse...

Achas?! :o

Andreia. disse...

na altura, pareceu-me o mais acertado :s