sábado, 24 de novembro de 2012

LEMBREI-ME

do que sonhei! Basicamente tinha sonhado que havia alguém que me dizia que eu ia ser um ninguém na vida, que o que eu quero para o meu futuro era algo ridículo e que eu não iria conseguir alcançar nada. Só falava mal de mim, das minhas escolhas, das minhas opcções, dos meus gostos, da minha vida. E eu, sabem que fiz? Ao início tentei contradizer e defender-me, e cheguei mesmo a pensar que se calhar a pessoa tinha razão. But noo bitch, eu sei o que quero e vou ser alguém, sem dúvida. Limitei-me a ignorar e a demonstrar o que o meu futuro me reserva. A pessoa mudou de ideia e acordei tão leve e com um leve sorriso nos lábios.

O meu futuro é meu e eu faço dele aquilo que eu quiser. E eu, um dia, vou ser alguém.

5 comentários:

Beatriz Ls disse...

adorei os 3, parabéns :)
e este texto é tão verdade, identifico-me*

M. disse...

essa ultima frase é tão eu

Daniela disse...

hoping for the best then xD
sabes, o futuro depende principalmente de nós, das nossas atitudes. quando adotamos a desistência nas nossas acções, a submissão à derrota, é que acaba mesmo por nada valer a pena. acredita, são poucas as pessoas que se levantam hoje em dia com o fim de lutarem pelos seus sonhos. a zona de conforto parece-lhes demasiado confortável, talvez.. mas, se sabes o que queres, luta por isso. se tens objetivos.. atinge-os :) haverão sempre pessoas a dizerem que não serás capaz mas, como no sonho, ignora-as. sorrir e acenar a essas alminhas! espero genuinamente que corra tudo bem, Alexandre :)

Daniela disse...

não foram palavras melosas credo, no máximo de força, vá, ahah. mas sim, acho que fazes muito bem. da mesma maneira que ninguém pode sonhar por ti, ninguém também pode lutar por ti :) *

ASemNome disse...

Não fui a única a acordar a lembrar-me do que sonhava e a escrever no blog hoje xD Acho que preferia ter tido o teu sonho que o meu... O teu pelo menos teve um bom final!
Eu acordei e apetecia-me tudo menos sorrir xD
Espero mesmo que te corra tudo bem, basta acreditares tu mesmo nisso! :)
Beijinhos*