sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Não me olhes assim, que eu pretendo mesmo dar-te :$!

Não me olhes assim, que eu pretendo mesmo dar-te :$!

Vá chamem-me o que pensam.
Digam, força.
Digam que isto é alta paranoia, estupidez, exagero, dramatização..
Digam!
Mim não querer saber (:
É assim que eu penso, assim que eu actuo, assim que eu reago, assim que eu sou.
E mai nada.


Quando me olhas assim, a vontade que me dá é de te saltar nos braços.
Agarra-te com força e sentir-te bem junto de mim.
Abraçar-te como sempre sonhei fazer.
Sentir teu cheiro, beijar teu pescoço.
Pegar em tuas mãos e dizer-te que te tornas-te um desejo meu.
Não te poderia explicar o porquê, mas podia demonstrar-te que sim.
Que de facto te tornas-te um desejo meu.
Mostrar-te o que sonho fazer-te.

Não me olhes assim, que eu pretendo mesmo dar-te :$!

PS: Sei que é um texto pequeno, sem grande coisa a dizer. Mas não consegui escrever mais, algo me interrompeu. R contactou comigo +.+ Volto mais tarde para contar que se passou. Fui gente minha <3

2 comentários:

Phantomrider @ disse...

Isto é alta paranoia, estupidez, exagero, dramatização..

Está dito e pensado

@

Smith. disse...

:)